Sem as potências, negociação para proibir armas nucleares entra em fase final

3 de julho de 2017 - 14:52 | por Redação
Sem as potências, negociação para proibir armas nucleares entra em fase final
Mundo
0

A segunda conferência das Nações Unidas para negociar um tratado que proíba as armas nucleares  entra nesta segunda feira (3) em sua semana final, com a expectativa de que na sexta-feira se realize o acordo internacional.

O foro instalado em 15 de junho, presidido pela embaixadora costariquenha  Elayne Whyte, reúne mais de 115 países que procuram vedar as únicas armas de extermínio em massa sem uma convenção para proibi-las, já que as biológicas (em vigor desde 1975) e as químicas (1997) sim contam com tal acordo multilateral.

Espera-se que hoje se apresente um terceiro rascunho do tratado, para continuar as discussões em grupos, a portas fechadas.

O novo documento é o resultado de mais de duas semanas de negociações, em que estiveram ausentes os países possuidores dos letais artefatos, definidos aqui nestes dias como uma ameaça para a sobrevivência humana e uma capacidade de causar dano ao planeta bem além do imaginado.

Segundo fontes diplomáticas ouvidas em anonimato, as discussões tiveram como centro de prioridades que as obrigações dos Estados parte em matéria de assistência a eventuais vítimas e o reparo ante afetações ambientais, e os mecanismos para verificar que as potências possuidoras eliminem seus programas nucleares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *