Santa Bárbara já inspira 10 cidades com empreendedorismo na Educação

26 de setembro de 2017 - 19:35 | por WWFA
Santa Bárbara já inspira 10 cidades com empreendedorismo na Educação
Santa Bárbara
0

O Programa Cultura Empreendedora já atraiu 10 municípios, interessados em conhecer a aplicabilidade do projeto e trocar conhecimentos. A Rede Municipal já insere o empreendedorismo, sutilmente, nas atividades cotidianas desde a educação infantil, preparando as crianças para entender e utilizar isto no futuro.

Na grade curricular do 1º ao 5º ano foi implantada a disciplina de Empreendedorismo e Educação Financeira e do 6º ao 9º ano os alunos desenvolvem trabalhos interdisciplinares envolvendo a cultura empreendedora. O resultado, segundo o secretário de Educação, Alexandre Mota, não são só conceitos de empreendedorismo no vocabulário dos estudantes, mas também a sua aplicação além dos muros da escola.

Alexandre destacou, ainda, que, além do envolvimento da equipe e parceria do Sebrae, o interesse do chefe do executivo, o idealizador desta ideia, faz o programa funcionar. É importante pontuar que cada turma desenvolve ações empreendedoras de acordo com o conteúdo estudado em sala de aula. Nenhuma ação nesse sentido é realizada solta, fora de contexto.

Nesse ínterim, em visita a Santa Bárbara, a secretária de Educação de Santa Maria de Itabira, Renata Duarte Silva, disse que decidiu conhecer o Programa Cultura Empreendedora de Santa Bárbara por ter visto notícias em jornais, classificando-o como referência. Ela, que já trabalha o empreendedorismo desde 2015, veio trocar experiências e buscar inspiração para aprimorar um projeto interdisciplinar em seu Município.

Presente na visita, o secretário de Educação de Itabira, José Gonçalves Moreira, também destacou a busca por troca de experiências. Segundo ele, um Município pode ajudar o outro. José disse, ainda, que estava aprendendo muito com a implantação deste programa de empreendedorismo de Santa Bárbara.

É importante salientar que umas das propostas do Plano de Governo é incluir o conceito de empreendedorismo na formação básica dos alunos da Rede Municipal de Ensino. A meta foi cumprida e já serve de inspiração para outros municípios que desejam integrar a cultura empreendedora, de alguma maneira, na grade curricular.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *